Sábado, 13 de abril de 2024 hh:mm:ss

ADOLESCENTE MORTA | Comoção, Revolta e Dor no Cortejo da Andreya Caetano, em Poção

Centenas de pessoas vestindo camisas brancas e portando cartazes esperavam o cortejo da adolescente na entrada de Poção, próximo ao Posto de Combustíveis

Publicado em 4 de setembro de 2023 às 19:01
Atualizado há 7 meses

POÇÃO (PE) – O dia 04 de setembro de 2023 será lembrado como um dia de profunda dor, revolta e comoção em Poção, uma pacata cidade localizada no Agreste de Pernambuco. Centenas de pessoas se reuniram para o cortejo fúnebre de Andreya Caetano Ferreira, uma jovem de apenas 16 anos, cuja vida foi brutalmente ceifada em um crime que abalou a tranquilidade da comunidade.

       O sepultamento aconteceu segunda-feira (04), quando a cidade se viu envolta em uma atmosfera de tristeza e indignação. O corpo de Andreya foi encontrado no último sábado, pondo fim a quatro dias angustiantes de busca e incerteza para sua família e amigos. O cortejo fúnebre, que começou na entrada de Poção, reuniu uma multidão que clamava pela Justiça e carregava cartazes com a inscrição “Justiça por Andreya!”.

       O estado avançado do corpo de Andreya impediu que houvesse um velório convencional. O corpo chegou a Poção em um carro funerário vindo da capital, Recife, e foi recebido por uma multidão que se aglomerou na entrada da cidade, próximo ao Posto de combustíveis Palavras de ordem eram entoadas, e as expressões de dor eram visíveis nos rostos dos presentes.

       O cortejo seguiu pelas ruas de Poção, onde moradores se reuniam para prestar suas últimas homenagens à jovem. Nas calçadas, olhares indignados se cruzavam, e as lágrimas eram inevitáveis. A comoção era palpável enquanto o cortejo se dirigia para o cemitério, onde Andreya seria finalmente enterrada.

       O pesadelo começou na quinta-feira, dia 31 de agosto, quando Andreya Caetano Ferreira desapareceu sem deixar rastros. Uma cidade inteira se mobilizou em uma busca angustiante pela adolescente, mas a esperança se transformou em desespero quando uma trágica notícia de sua morte se viu pela cidade.

       Dois adolescentes foram apreendidos e um deles confessou o crime terrível. Um deles, que mantinha um relacionamento amoroso com Andreya, teria arquitetado o assassinato.

       Para a família, amigos e colegas da escola que Andreya frequentava, o choque e a tristeza são indescritíveis. A adolescente era vista como uma jovem cheia de vida, com sonhos e aspirações. Sua partida prematura deixou um vazio que nunca será preenchido.

       A comoção, a revolta e a dor que marcaram o cortejo fúnebre de Andreya Caetano Ferreira refletem não apenas o luto de uma família, mas também a indignação de toda uma comunidade que clama pela Justiça diante de um crime tão hediondo. A cidade de Poção, unida em seu dor, agora busca respostas e espera que os responsáveis ​​pelo assassinato brutal sejam devidamente punidos.

CLIQUE NA IMAGEM PARA IR PARA O VÍDEO
CLIQUE NA IMAGEM PARA IR PARA O VÍDEO DO INSTAGRAN

Saiba Mais no Portal www.flaviojjardim.com.br (link nos stories).

VIDEOS: https://www.facebook.com/marcelosantos.marcelo.336

NOVA LÍDER FM

Voltar ao topo