Voltar ao topo

FLÁVIO J JARDIM - NOTÍCIA VERDADE

Buscas recomeçaram hoje (sábado). Índio continua desaparecido na mata, em Pesqueira

Buscas recomeçaram hoje (sábado). Índio continua desaparecido na mata, em Pesqueira
  • Compartilhe
  • Compartilhar no Linked In
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no WhatsApp
  • Compartilhar no Twitter

Buscas recomeçaram hoje (sábado). Índio continua desaparecido na mata, em Pesqueira. A procura parou às 3h30 da manhã e já recomeçaram às 5h

Buscas recomeçaram hoje (sábado). Índio continua desaparecido na mata, em Pesqueira

      As buscas ao índio José Cícero Salustiano das Montanhas, 49 anos, que sofre de depressão profunda e está desaparecido na mata fechada de Pesqueira, recomeçaram agora pela manhã.

      Nesta madrugada, cães farejadores, policiais do Corpo de Bombeiros e PMS, ficaram até às 3h30 tentando encontrar o índio, sem sucesso. Segundo o líder comunitária Açúcar, que é amigo da vítima, “Estamos saindo na busca de novo. Eu, o Corpo de Bombeiro, os cães farejadores, e toda comunidade da Aldeia Lagoa estamos trabalhando muito pra encontrar Cícero”, disse Açúcar.

Buscas recomeçaram hoje (sábado). Índio continua desaparecido na mata, em Pesqueira

 

      O índio da Tribo Xukuru, da Aldeia Lagoa, está desaparecido desde a quarta-feira (18), quando, segundo familiares, teve um surto e saiu correndo sem rumo pela mata. A família teme que ele tente o suicídio. Segundo pessoas envolvidas nas buscas, a mata é fechada e dificulta o trabalho.

      Mergulhadores do resgate também vão fazer uma varredura no Açude Santana, onde foi encontrada uma peça de roupa numa área próxima. Não se sabe se a peça de roupa é do índio, mas há indícios que ele poderia ter mergulhado no açude.  

      Um grande aparato está envolvido nas buscas do índio xukuru José Cícero. Ele está desparecido no território indígena. Cães farejadores e mergulhadores, uma guarnição do Corpo de Bombeiros e policiais militares, além da própria comunidade integram as buscas.

      Os familiares dizem o índio está em estado de depressão e saiu correndo, transtornado pela mata. A última vez que seus familiares o viram foi nesse episódio, quando ele saiu correndo de casa, às 4h30 da manhã da quarta-feira.

      Jaciara, filha do índio, procurou a prefeita de Pesqueira Maria José para pedir ajuda. A prefeita manteve contato com o comando do Corpo de Bombeiros. Jacira procurou o pai nos hospitais e na delegacia de Pesqueira, porém não conseguiu nenhuma informação. Por isso, decidiu acionar o resgate.

      O Corpo de Bombeiros trabalha com várias hipóteses, inclusive afogamento. Vale repetir que o índio sofre de depressão e a família teme que ele atente contra a própria vida.

      Estamos em contato com a equipe de resgate e a qualquer momento poderemos ter informações. Esperamos que tudo acabe bem.

Buscas recomeçaram hoje (sábado). Índio continua desaparecido na mata, em Pesqueira

Buscas recomeçaram hoje (sábado). Índio continua desaparecido na mata, em Pesqueira

Publicado por
em

Deixe seu comentário Sua opinião é muito importante!

  • Compartilhe
  • Compartilhar no Linked In
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no WhatsApp
  • Compartilhar no Twitter

Veja Também:

Artigos Relacionados