Voltar ao topo

FLÁVIO J JARDIM - NOTÍCIA VERDADE

CIRCUITO DO FRIO. EXCLUSIVO: LÉO MAGALHÃES FALA COMO SERÁ SHOW EM PESQUEIRA, NA FESTA DA RENASCENÇA

CIRCUITO DO FRIO. EXCLUSIVO:  LÉO MAGALHÃES FALA COMO SERÁ SHOW EM PESQUEIRA, NA FESTA DA RENASCENÇA
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Linked In
  • Compartilhar no WhatsApp
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Twitter

Léo Magalhães manda recado aos fãs de Pesqueira e de toda a região e diz que vai fazer “um ótimo show no Circuito do Frio”, na 15ª Festa da Renascença

                No dia 09 de agosto, Pesqueira vai receber cantor Leo Magalhães no palco da 15ª Festa da Renascença, o Circuito do Frio. O show promete emocionar milhares de fãs na Praça Dom José Lopes. O cantor mineiro investe na música sertaneja com boa dose de romantismo. Nos shows que costuma fazer em todo Brasil, Leo Magalhães arrasta um grande público que acompanha todas as músicas do repertório.

                Após contato com a assessoria de imprensa do cantor, Léo Magalhães disse, com exclusividade, como será o show no Circuito do Frio em Pesqueira. “"Estou muito feliz em poder participar da Festa da Renascença, o Circuito do Frio em Pesqueira. Tenho certeza que faremos um ótimo show com muita música boa. Estou preparando um repertório especial, tem "Oi", que graças a Deus está estourada nas rádios de todo o Brasil e o meu último lançamento "Chamou Chamou".

         Ao final, Léo Magalhães se mostrou muito animado para o evento e em tom de convite disparou: “Espero todos vocês lá!". Entre os hits que marcaram a carreira do mineiro estão, “24 horas”, “Fala comigo (Alô)”, “A fila anda”, “Nosso casamento”, “1º de abril”, “Onde anda meu amor”, “Locutor”, “O gelo que ela me deu”, “Meu Melhor Amigo”, “Dá um Tempo” e “Quero Ter você”.

                “Acredito muito na força desta música ‘Chamou Chamou’ e acho que muitos casais irão se identificar com ela”. Com um jeitinho bem mineiro de ser, Léo traz a essência do sertão em forma de música e tem no currículo, 6 CDs e 4 DVDs.

 

 

Léo Magalhães é o dono do hit “Oi”

 

            Embora o mercado da música sertaneja esteja repleto de novidades, alguns nomes ressurgem com força total. Com mais de 15 anos de carreira, Leo Magalhães lançou seu primeiro álbum em 2011, foi quando ficou conhecido no cenário nacional. De lá pra cá foram seis álbuns (Léo Magalhães Ao Vivo, Nosso Casamento, 10 Anos Ao Vivo Em Goiânia, Eu Tô Afim de Alguém, De Bar Em Bar - Goiânia Ao Vivo).

 

            O novo CD, lançado em 2017 tem o mesmo nome da música de trabalho que virou um verdadeiro hit. “Oi” ocupa a 5° posição no ranking das músicas mais tocadas nas rádios de todo o Brasil e viralizou nas redes sociais. O clipe no canal oficial do YouTube acumula quase 60 milhões de reproduções e se tornou uma das músicas mais ouvidas do país: são mais de 2,5 milhões e meio de reproduções no Spotify.

 

Determinação, talento e carisma, elementos que se encaixaram na vida de Léo Magalhães.

 

            Desde muito cedo em sua cidade Teófilo Otoni/MG, ele já demonstrava que levava jeito pra música, mostrando as suas primeiras melodias e acordes. Amante incondicional da música sertaneja Léo Magalhães, no auge de sua adolescência, começava a transformar seu gosto em verdade, tornando possível o seu sonho de cantar em público, principalmente em sua cidade, assim como na intimidade de sua família e amigos.

 

            Logo tudo ia ficando maior e muito mais profissional, e por meio das primeiras apresentações convites iam surgindo em curto prazo. Com uma voz encantadora e dedos projetando notas maravilhosas, inegavelmente nascia ali uma grande revelação do cenário musical brasileiro.

 

            A essência do sertão em forma de música sempre caminhou junto com a carreira de Léo Magalhães, em seu repertório não faltavam canções de duplas sertanejas consagradas que mais se identificavam com seu estilo próprio de cantar. Artistas como: Zezé di Camargo & Luciano, Chitãozinho e Xororó, Leandro e Leonardo, João Paulo e Daniel, Chico Rey e Paraná, Gian e Giovanni e Bruno e Marrone não ficavam de fora de seu show, e o público cada vez mais era presenteado com interpretações incomparáveis.

 

            Com um jeitinho bem mineiro de ser, Léo aprimorava ainda mais o canto e sua própria identidade musical, não parando mais de fazer shows. Em seu estado já era considerado celebridade recebendo vários prêmios como melhor interprete, lhe concedendo as aberturas dos shows dos grandes nomes nacionais da música.

 

CIRCUITO DO FRIO. EXCLUSIVO:  LÉO MAGALHÃES FALA COMO SERÁ SHOW EM PESQUEIRA, NA FESTA DA RENASCENÇA

Publicado por
em

Deixe seu comentário Sua opinião é muito importante!

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Linked In
  • Compartilhar no WhatsApp
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Twitter

Veja Também:

Artigos Relacionados