Sociedade

GRÁVIDA QUE MORREU DE COVID-19 DEIXOU GÊMEAS DE 6 ANOS, QUE AINDA NÃO SABEM DA MORTE DA MÃE

A fisioterapeuta Viviane Albuquerque estava grávida. As filhas, gêmeas de 6 anos, ainda não sabem da morte. O bebê continua internado no Recife.

Por Flávio José Jardim atualizado há 4 anos
Publicado em 8 de abril de 2020, 12h17

GRÁVIDA QUE MORREU DE COVID-19 DEIXOU GÊMEAS DE 6 ANOS, QUE AINDA NÃO SABEM DA MORTE DA MÃE

               Sérgio Melo, ex-marido da fisioterapeuta Viviane Albuquerque que morreu de Covid-19 no Recife, disse que as duas filhas gêmeas do casal ainda não sabem da morte da mãe. Viviane Albuquerque estava grávida de 32 semanas e morreu de coronavírus no último domingo. Uma cesariana de emergência foi feita para retirar o bebê, mas Viviane não resistiu e veio a óbito. O bebê está internado no Recife.

          Viviane foi internada no dia 28 de março, com sintomas de Covid-19. No dia 3, foi entubada e, no sábado (2), foi submetida a uma cesariana.

          O ex-marido revelou também que Viviane sofria de um problema respiratório. "Viviane era forte, atleta, teve as gêmeas comigo e eu sempre cuidei, sabia que ela tinha um problema de asma alérgica", declarou o contador, em entrevista ao G1.

Você precisa estar logado para comentar. Por favor, faça login ou crie a sua conta.

Ainda não há comentários para esta notícia. Seja o primeiro a comentar!

Veja também