Esportes

SÃO PAULO, DEPOIS JAPÃO | Pesqueirense Jeohsah Santos embarca para os Jogos Paralímpicos de Tóquio

Paratleta viajou nesta segunda-feira (02 de agosto) para São Paulo. Ele fica no Centro Paralimpíco Brasileiro, em São Paulo, e no dia 07 embarca para o Japão. Prefeito Bal e Cacique Marcos foram ao embarque

Por Flávio José Jardim atualizado há 2 anos
Publicado em 2 de agosto de 2021, 10h38

SÃO PAULO, DEPOIS JAPÃO | Pesqueirense Jeohsah Santos embarca para os Jogos Paralímpicos de Tóquio

RECIFE (PE) – O Paratleta Jeohsah Santos embarcou na manhã desta segunda-feira (02 de agosto) rumo a Tóquio para a disputa dos Jogos Paralímpicos.

      Inicialmente, o pesqueirense vai para a concentração, em São Paulo, no centro Paralímpico Brasileiro e só viaja para o Japão no dia 07 de agosto. Os Jogos Paralímpicos de Tóquio começam dia 24 de agosto e vão até 5 de setembro.

      Uma comitiva de Pesqueira levou Jeohsah no Aeroporto Internacional Aeroporto Internacional do Recife/Guararapes - Gilberto Freyre, nesta segunda-feira (02).

      Além da técnica Glébia Galvão, estavam o prefeito de Pesqueira, Bal de Mimoso, o prefeito-eleito e secretário de Governo Cacique Marcos, e os secretários de Esportes e da Juventude, Whênio Alencar, e de Agricultura, Gleybson Neves, estavam presentes, bem como diretores da prefeitura: Flávio Eduardo e Gilvan Júnior.

      A torcida é gigante em Pesqueira. A cidade pode ter um medalhista nos Jogos Paralimpíadas de Tóquio.

O PESQUEIRENSE JEOHSAH EM TÓQUIO

      O pesqueirense Jeohsah Santos vai representar o Brasil na Paralimpíada de Tóquio (Japão), que será disputada entre 24 de agosto e 5 de setembro. Pernambuco se emociona de orgulho. Jeohsah Santos compõe a equipe de 253 integrantes.

      O pernambucano é único em sua modalidade.

JEOHSAH TEM GIGANTES CHANCES DE MEDALHA

      Jeohsah Santos é o atual recordista brasileiro da sua categoria, que é a de salto em altura classe T44. O jovem começou a praticar esportes desde 2012, nas paralimpíadas escolares, e até 2015 praticava salto em distância e 100 metros rasos.

      Em 2016 ele se interessou pela modalidade do salto em altura e, com o apoio incondicional e importantíssimo de treinadora Glébia Galvão, tem conseguido reconhecimento no esporte e agora vai em busca do pódio.

      Jeohsah já conquistou o terceiro lugar do Parapan-Americano de jovens, em São Paulo, foi campeão no Mundial de Jovens, na Suíça, com apenas 18 anos de idade, e foi o segundo colocado no Grand Prix na Alemanha, em 2018.

      “Tudo o que conquistei foi construído e colocado como meta. Ao chegar até aqui é algo que a única palavra que fica é gratidão. Todos temos que acreditar, temos sonhos e sonhos são para ser realizados”, disse Jeohsah.

Você precisa estar logado para comentar. Por favor, faça login ou crie a sua conta.

Ainda não há comentários para esta notícia. Seja o primeiro a comentar!

Veja também