Segunda, 22 de abril de 2024 hh:mm:ss

ONÇAS E LOBISOMEM NO SERTÃO: O Sobrenatural e o Terror Invadem Pernambuco

Um segundo caso de ataque envolvendo uma onça parda foi registrado no Sertão pernambucano. Em Petrolina, o destaque é um suposto Lobisomem.

Publicado em 22 de janeiro de 2024 às 14:39
Atualizado há 3 meses

BELÉM DE SÃO FRANCISCO, CARNAUBEIRA DA PENHA E PETROLINA (PE) – Segundo a Agência Pernambucana do Meio Ambiente (CPRH), esse novo registro de ataque de onça-parda foi em Belém de São Francisco.

            A cidade fica a 90 quilômetros de Carnaubeira da Penha, onde aconteceu o primeiro caso.  No dia 13 de janeiro, uma agricultora de 58 anos levou mordidas e arranhões de uma animal. A onça-parda deixa rastro de medo em Belém de São Francisco

        A cidade de Belém de São Francisco, localizada no Sertão de Pernambuco, tornou-se palco de uma série de eventos misteriosos envolvendo ataques de onças-pardas. O incidente foi confirmado pela Agência Estadual do Meio Ambiente (CPRH) na última quinta-feira (18), a apenas 90 quilômetros de Carnaubeira da Penha, onde, há seis dias, uma agricultora foi brutalmente atacada pelo mesmo tipo de felino.

        A CPRH ressalta que os ataques não parecem ter sido realizados pelo mesmo animal, aumentando o mistério em torno desses episódios aterrorizantes. A identidade da segunda vítima permanece oculta, e poucas informações sobre o estado de saúde e as circunstâncias do ataque foram divulgadas.

O primeiro incidente ocorreu em 13 de janeiro, quando Maria Inez Freire Barros de Sá, uma agricultora de 58 anos, foi mordida nas pernas e braços enquanto trabalhava em sua roça. O local dos ataques está em uma região conhecida pela prática de caça ilegal, o que pode ter provocado a aproximação das onças-pardas com humanos.

A CPRH emitiu orientações aos produtores rurais da região para protegerem seus animais e evitar a aproximação com esses felinos, alertando sobre os perigos dessa convivência inesperada.

O TERROR NOTURNO: MISTÉRIO E PAVOR COM “APARIÇÃO” DE LOBISOMEM EM PETROLINA!

        A atmosfera de terror não se limita aos ataques de onças-pardas, mas também se estende às imediações da área rural de Pedrinhas e Serrote do Urubu, em Petrolina. No mesmo dia, 18 de janeiro, uma descoberta macabra deixou os moradores em pânico e em busca de respostas: os restos mortais de uma criatura estranha, a 15 km do bairro Henrique Leite, indicando a possível presença de um “lobisomem” na região.

Testemunhas relataram avistar algo completamente fora do comum nas proximidades da estrada que leva à comunidade de Pedrinhas, alimentando os temores noturnos que agora assombram a comunidade. O Blog do Didi, conhecido por trazer notícias impactantes do sertão de Pernambuco, documentou esse evento sobrenatural que tem causado estranheza e medo entre os moradores.

A criatura encontrada apresenta uma aparência aterrorizante e desconhecida pelos habitantes locais, tornando o mistério ainda mais intrigante. Relatos adicionais indicam que mulheres na área estão recusando-se a sair de suas casas durante a noite, devido a ruídos estranhos que precederam a descoberta macabra.

O medo se espalhou pela comunidade, criando uma atmosfera de apreensão enquanto todos aguardam ansiosos por uma declaração oficial das autoridades, que possa esclarecer os eventos perturbadores e desvendar o mistério por trás do suposto lobisomem que assombra as noites tranquilas de Petrolina.

A população continua a acompanhar de perto cada detalhe dessa história intrigante, em busca de respostas para os enigmas que envolvem tanto os ataques de onças-pardas quanto a descoberta sinistra que aterrorizou a região do Sertão de Pernambuco.

Saiba Mais no Portal www.flaviojjardim.com.br (Link nos stories).

Voltar ao topo