Sexta, 23 de julho de 2021 hh:mm:ss

POLÍTICA | Chapa é cassada e Arcoverde terá novas eleições! TRE-PE mantém cassação de Wellington e Israel

Com a decisão do Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE), a chapa de Wellington e Israel é cassada e os dois serão afastados. O presidente da Câmara de Vereadores deverá assumir a Prefeitura e o TRE vai convocar novas eleições

Publicado em 18 de fevereiro de 2021 às 16:58
Atualizado há 5 meses

       O Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE), manteve a decisão do juiz eleitoral de Arcoverde, cassando hoje (18 de fevereiro), a chapa do prefeito Wellington Maciel (MDB), do vice Israel Rubis (PP).

Na mesma decisão, houve a condenação da ex-prefeita de Arcoverde Madalena Britto (PSB) com a suspensão dos direitos políticos por oito anos.

       Por 7 votos a 0, os desembargadores do TRE-PE, reunidos em sessão plenária por videoconferência, negaram provimento aos recursos que tentavam anular a sentença do juiz eleitoral de Arcoverde, Draulternani Melo Pantaleão.

       O pleno seguiu o relator do processo nº 0600294- 48.2020.6.17.0057, do desembargador Rodrigo Cahu Beltrão, que negou provimento ao pedido da defesa. A medida define a vacancia dos cargos de prefeito e vice vagos, estabelecendo a realização de novas eleições.

       Com o julgamento do mérito, hoje, prevalece a decisão da 1ª instância, que cassou os registros de candidatura da chapa.       

A ex-prefeita Madalena também é ré no processo e com base Artigo 22 da Lei Complementar 64/1990, os três ficarão inelegíveis por oito anos. O relatório, acompanhado por toda a Corte Eleitoral, é de autoria do desembargador Rodrigo Cahú Beltrão.

Voltar ao topo