Sábado, 13 de abril de 2024 hh:mm:ss

SUMIU | Adolescente de 17 anos está desaparecida; família diz que ela está em cárcere privado há cinco dias

Uma família do município de Saloá, no Agreste de Pernambuco, vive momentos de aflição desde que a adolescente Paloma Pereira da Silva, de 17 anos, desapareceu sem deixar rastros.

Publicado em 11 de março de 2024 às 18:52
Atualizado há 1 mês

SALOÁ (PE) – Os familiares alegam que ela pode estar em cárcere privado e afirmam não estar recebendo apoio adequado das autoridades para encontrá-la.

De acordo com a mãe da jovem, o desaparecimento ocorreu na manhã de segunda-feira, dia 4, quando Paloma saiu de casa para ir à escola e não chegou ao destino. No dia seguinte, a mãe recebeu uma mensagem de texto informando que a filha estaria bem na companhia de um rapaz. No entanto, ela não acredita nessa versão, pois conhece a filha como alguém bastante responsável e ingênua, que não faria algo do tipo sem avisar a família.

Apesar dos esforços da família, que tem compartilhado a foto da adolescente nas redes sociais, até o momento não há informações sobre seu paradeiro. Diante disso, eles pedem apoio da população e das autoridades locais para encontrar Paloma.

A família disponibilizou um número de contato, (87) 9 8136 6086, para receber informações que possam levar ao paradeiro da adolescente. Denúncias também podem ser feitas ao plantão da Delegacia Regional de Garanhuns pelo telefone (87) 3761 8206, durante todo o final de semana.

Voltar ao topo