Sociedade

NADA MUDA NO CASO CACIQUE | TSE DECIDE ESPERAR PELA DELIBERAÇÃO DO SUPREMO. VEJA VÍDEO

Tribunal Superior Eleitoral (TSE) só vai julgar após a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF). Caso ainda não foi decidido. Veja vídeo da sessão virtual do plenário do TSE ocorrido na manhã desta quinta-feira (05 de agosto). VEJA VÍDEO

Por Flávio José Jardim atualizado há 2 anos
Publicado em 5 de agosto de 2021, 08h56

NADA MUDA NO CASO CACIQUE | TSE DECIDE ESPERAR PELA DELIBERAÇÃO DO SUPREMO. VEJA VÍDEO
https://youtu.be/eEBSHoSWMpU

BRASÍLIA (DF) - Por unanimidade, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) pediu a suspensão do julgamento do caso do Cacique Marcos, que foi eleito prefeito de Pesqueira com de 51% dos votos válidos em novembro de 2020.

      Ou seja, o julgamento não foi desmembrado. O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) optou pala suspensão do caso enquanto o Supremo “não delibera acerca do tempo inicial da contagem do prazo de inelegibilidade”, disse o Ministro Luis Roberto Barroso.

      A decisão foi hoje (5 de agosto), em sessão plenária virtual do TSE, que foi transmitida às 10h pelo canal do Tribunal no YouTube e pela TV Justiça.

      O Plenário retomou a análise do recurso que trata do registro de candidatura do líder indígena Marcos Luidson de Araújo, o cacique Marquinhos Xukuru.

      O Cacique Marcos foi eleito pelo partido Republicanos para a Prefeitura de Pesqueira (PE) com 51% dos votos válidos. O julgamento teve continuidade a partir do voto-vista do ministro Alexandre de Moraes, que foi solicitado na sessão de 29 de junho.

VEJA DECISÃO E PARTE DO VÍDEO DA SESSÃO PLENÁRIA ACIMA.

Você precisa estar logado para comentar. Por favor, faça login ou crie a sua conta.

Ainda não há comentários para esta notícia. Seja o primeiro a comentar!

Veja também